Passaporte Italiano

Como fazer o passaporte italiano direto na Itália: dicas essenciais para economizar no processo

 

fazer o passaporte italiano diretamente na ItáliaA procura pelo passaporte italiano cresce a cada dia pelo grande número de benefícios e oportunidades que possuir uma cidadania européia pode trazer. Além de facilidade para viajar ter a cidadania italiana lhe permitirá trabalhar ou estudar em qualquer país da comunidade européia o que abre um grande número de possibilidades.

Para quem faz o processo de dupla nacionalidade junto ao Consulado Italiano do RJ a expectativa de conseguir o reconhecimento da cidadania italiana rapidamente é sempre grande. O problema é que a fila de espera até ter em mãos o passaporte europeu também é grande e a espera pode ser de cerca 10 anos para quem se decide por fazer o passaporte italiano pelo Brasi, ou seja diretamente através do consulado Italiano do Rio de janeiro.

A boa notícia é que pelo menos existe uma alternativa para tirar mais rapidamente o passaporte italiano, ou seja, fazer diretamente pela Itália.

Passaporte Italiano diretamente na Itália

Para tirar seu passaporte italiano na Itália você vai precisar reunir os mesmos documentos que uma pessoa que faz o pedido no Consulado do Rio, ou seja, as certidões de nascimento, casamento e óbito desde o seu antepassado italiano até você.

A diferença está exatamente que após reunir esta documentação ao invés de entrar na fila do consulado você faz um agendamento de horário no Consulado Italiano RJ para legalizar as certidões e assim poder apresentá-las diretamente na Itália.

O procedimento de legalziação de certidões se faz necessário para dar validade aos documentos brasileiros na Itália, sem o carimbo do consulado italiano seus documentos seriam recusados pela prefeitura da cidadania italiana onde você faria o seu processo. Para mais infomações sobre como realizar o agendamento por favor veja na coluna logo ao lado o artigo o link para o artigo sobre o agendamento no Consulado, o texto também pode ser encontrado no link artigos adicionais situado na parte final da págna.

Dicas para economizar tempo e dinheiro na Itália (e no Brasil)

A economia de tempo e dinheiro para obter seu passaporte italiano começa no Brasil. Uma boa dica é por exemplo utilizar tradutores que trabalhem junto aos patronatos  italianos no Brasil, desta forma você pode economizar pelo menos 40% nas traduções.

Outra dica é tentar obter sozinho os documentos italianos (a certidão de nascimento do italiano, em alguns casos também a certidão de casamento). Apesar de não ser sempre fácil encontrar estes documentos existe um bom número de informações na Internet sobre como realizar a busca o que pode lhe fazer economizar cerca de 500 euros no processo. Se você quiser informações detalhadas sobre como realizar a busca na Itália você pode solicitar o passo a passo gratuito do processo logo ao lado.

Outra dica importante é que depois de reunir seus documentos no Brasil, antes de dar prosseguimento ao processo por exemplo traduzindo as certidões ou mesmo corrigindo erros, o ideal é que você solicite uma análise prévia dos seus documentos na Itália: mesmo com erros muitas prefeituras italianas aceitam os documentos, você não precisa necessariamente pagar um advogado para corrigir tudo, antes pelo menos tente.

Algumas empresas de assessoria na Itália oferecem este serviço gratuitamente, um bom exemplo de empresa confiável que realiza este serviço de forma gratuita é o Polentona Cidadania Italiana.

Qual a forma mais econômica de tirar o passaporte italiano na Itália?

A forma mais econômica de realizar o processo na Itália é se você possui um amigo ou parente que possa lhe dar hospedagem, nenhum modo será mais econômico do que este pois o maior custo de quem faz a cidadania na Itália é realmente a parte do aluguel do imóvel.

O ponto negativo de fazer sozinho é que você precisa ficar durante todo o processo na Itália, mas claro é algo interessante principalmente para quem deseja estudar ou trabalhar na Itália depois de reconhecida a cidadania italiana. Apenas a título de informação não é possível trabalhar legalmente na Itália enquanto você aguarda a conclusão do pedido pois o visto que lhe será dado não permite.  Se você fizer o processo em uma cidade rápida (evite cidades com mais de 100 mil habitantes) a espera deve ser de cerca 3 meses até ter o passaporte italiano em mãos.

Qual o modo mais caro de tirar o passaporte italiano? cuidados básicos ao contratar uma assessoria na Itália

A forma mais cara de fazer o processo é contratar uma assessoria e permanecer na Itália até o final do processo. Acaba se tornando mais caro pois você terá as despesas diárias em euros como por exemplo alimentação, transporte entre outros.

Evite contratar uma assessoria na Itália que cobre por fora valores de aluguel ou contas de água, luz ou gás. Procure por um serviço que já lhe forneça um valor final pelos serviços assim você evita surpresas na Itália. Infelizmente existem muitos brasileiros que moram na Itália e estão se aventurando na área de cidadania italiana e buscando lucros fáceis.

Uma boa dica é verificar se a empresa ou pessoa que você está contratando está regularmente inscrita nos órgãos italianos e habilitada a exercer a atividade. Quando a empresa foi devidamente registrada ela possui a chamada PARTITA IVA que seria o equivalente ao CNPJ brasileiro. Possuir a Partita Iva é um sinal de maior seriedade e comprometimento com a correta realização dos serviços além de lhe fornecer uma garantia maior caso tenha problemas com o serviço e precise fazer valer seus direitos na Itália.

Melhor custo benefício: fazer o passaporte italiano por procuração

A melhor alternativa existente atualmente para quem deseja economizar no processo e ao mesmo tempo ter uma segurança maior de que tudo será realizado de forma correta é aquela de tirar o passaporte italiano por procuração.

Veja bem, você ainda precisa viajar para a Itália mas a sua estadia pode ser reduzida para cerca de 15 dias. A permanência na Itália é necessária para que você possa ser inscrito como residente na cidade italiana onde fará o processo, depois da residência ter sido confirmada você poderá autorizar uma empresa a cuidar de seu processo de cidadania italiana durante a sua ausência.

O processo feito desta maneira lhe permitirá aguardar a conclusão no Brasil e assim retornar às suas atividades normais como trabalho e estudos além de evitar ter despesas na Itália. No final do processo você poderá receber seus documentos diretamente no consulado italiano do Rio de Janeiro sem precisar retornar à Itália.

Obviamente para deixar uma procuração na Itália você precisa encontrar uma empresa confiável e com bastante experiência no processo, caso contrário você poderá ter que acabar voltando e reiniciar todo o procedimento.

Existem algumas poucas empresas realmente confiáveis, mas pelo menos 3 delas têm mais de 5 anos de experiência e um grande número de processos realizados com sucesso. Empresas como o Polentona Cidadania Italiana ou mesmo Saga e Ferrara são consideradas de confiança pela comunidade em geral e podem ser vistas como uma boa alternativa em seu processo. Todas estas empresas trabalham no norte da Itália já que o sul não apresenta uma burocracia confiável e deve ser evitado para processos de cidadania italiana.

Boa sorte com a conquista do passaporte italiano, esperamos estas dicas possam lhe ajudar!

 

 

 

 

 

 

Next post: